Galeria de imagens

Caldas Novas

Sexta-feira, 03/02/2012, 01:55pm (GMT-2)

A História de Caldas Novas

Localização Geográfica

Caldas Novas se localiza na região Centro-Oeste do Brasil, no estado de Goiás. Está situada a 625 metros acima do nível do mar. Sua população atual é de aproximadamente 40.000 habitantes.
Seu clima é classificado como tropical quente e úmido, com chuvas de verão que duram, geralmente, três meses, e com uma estação seca que perdura durante o resto do ano. A temperatura é agradável durante todo o ano, com muito calor no verão e pouco frio no inverno.
A vegetação predominante na região é o Cerrado, comum em quase todo o estado de Goiás. O Cerrado é formado por árvores esparsas, de pequeno porte e galhos retorcidos. Em alguns locais, de solo mais rico, próximos a rios, riachos e ribeirões, encontra-se uma vegetação mais densa, com árvores mais altas e troncos mais retos: é o chamado Cerradão.
A árvore mais característica da região é o pequizeiro, da qual se extrai um fruto chamado pequi, muito utilizado na culinária de Goiás, principalmente no tempero do arroz.

 


O início da maior estância hidrotermal do mundo

Caldas Novas pertencia à Capitania de São Paulo, quando o Brasil ainda era colônia de Portugal.
Em 1777, época do descobrimento das águas termais de Caldas Novas, o governo português, ávido pelas nossas riquezas minerais, guardou-as para futuras explorações. Todavia a exploração seguia com o passar dos anos.
Bartolomeu Bueno Filho, filho do Anhanguera, por aqui andou.Depois Martinho Coelho, procedente de Santa Luzia (hoje Santa Cruz) considerada a primeira capital de Goiás, que a denominou de Caldas Novas de Santa Cruz.
Finalmente, na parte oriental da Serra de Caldas, as fontes termais viraram história.
Uma história com seus lances de lenda, coragem e perseverança.
Conta-se que Martinho Coelho de Siqueira, numa de suas conhecidas caçadas de animais silvestres, sentiu de perto a agonia dos seus cães. Em desabalada carreira eles passaram à sua frente como que atiçados por um fogo desconhecido.
Nascia aí a primeira história das águas quentes de Caldas Novas, a história de um arraial que virou cidade, e hoje é a capital mundial das águas quentes.

 

A História de Nosso Tempo

Liderados por Bento de Godoy vieram Orcalino Santos, Victor Ozeda Ala, João Batista da Cunha e outros. Eles chegaram à pequena vila que já começava a virar cidade a partir de 1.900.
A autonomia política, concedida a Caldas Novas, deu-se graças a solicitação destes moradores à cidade sede de Morrinhos, em 1911, por ordem do presidente do Estado, Urbano Gouveia, que no dia 5 de outubro nomeou Bento de Godoy como presidente da primeira intendência para criar o município.
Foi durante sua administração (1911 a 1915) que Caldas Novas tomou um novo impulso para o desenvolvimento. Houve por parte do intendente e de seus auxiliares, muita fé e esperança, que contagiavam a todos pelas novas idéias, fortalecendo a presença de Caldas Novas no contexto das cidades goianas da época.
A cidade crescia graças à dedicação e grande força de vontade de sua gente.

 

 

 

 



Classificando (Votos: )   
    Comentários (0)        Enviar para amigo        Imprimir